20 abril 2009

Resposta...

Que resposta é esta, para a pergunta que não faço...que não me incomoda, que faz soltar-se em mim, o pior e o melhor, que observo com clareza no meio da escuridão...que grito é este que se solta de mim no dia que não voltou...as marcas na carne escondidas há muito pela regeneração da pele...porque não consegue a alma tal grandeza, regenerar-se em si mesma, sorrir porque sim, ou porque não...quantas serão as oportunidades que a vida nos dá...são caminhos feitos de silvas e escolhas mais tortas que direitas...são desafios do Diabo...são provações de algo tão simptuoso como quem se esconde para lá do espelho, para lá do que algum dia conseguiremos ver com a destreza de algo tão grande como nada dentro de nós...serão pequenas nódoas de vida espalhadas por nós em nós e nos outros, são nódoas que a vida não lava...são histórias de reis e rainhas, planicies e vales cheios de sentimento...barcos ancorados sem porto...são velozes os tempos que correm...são naufragos...são braços e pernas amontoados , seguindo-se porque sim...


Pedi ao tempo que me leve para longe de mim mesma e se esqueça de mim...me deixe por aí, num sitio onde a mentira não tenha lugar...

6 comentários:

C. disse...

oi Dear, lendo vc percebo seus pensamentos estao mais para pragmáticos que indiscretos.

Te desejo uma bela semana!

JC disse...

O tempo não te vai levar para longe de ti, nem ninguém se vai esquecer de ti. Não vale a pena "fugir", para onde fores sempre encontrarás mentira e ligeireza nas conversas, nas afirmações, nos compromissos, em tudo o que viveres.
Tu hás-de estar e estarás, e estás sempre bem contigo. Todos os que te são queridos não se esquecerão de ti, serão sempre teus amigos. Amigos verdadeiros.
O voo que te falei no comentário anterior, irás realizá-lo e verás que através dele encontrarás tudo o que ambicionas.
Bijinhos

Tatiana disse...

Como não há como estar distante de nós mesmos... desejo que um novo dia ilumine a sua estrada e você volte a sorrir.

Tenha uma semana repleta de dádivas.
Deixo um beijo carinhoso

Palma da Mão disse...

Obrigada queridos.

C. Por vezes a vida é também, ela, pragmática...

JC. Senti a sua falta ontem...é quem sabe esse voo seja revirar gavetas...e perceber que está tudo ali, de onde nunca saiu...

Tatiana, saudades suas por aqui...

Beijinhos e uma boa semana para vocês também

braulio disse...

obrigado querida amiga

beijinhos.

braulio..

Palma da Mão disse...

Bráulioooooo, meu amigo,saudades suas...
Obrigada eu, eu disse que não ia visitar os peixinhos, mas falhei, não foi sempre como prometi:(
beijinhos