17 abril 2009

Encontros

Encontro com o tempo, encontro no tempo, encontro comigo ao espelho e fora dele, encontro no mar da verdade...encontra na sede de um beijo, na ternura de um abraço, na ausência e presença assidua de um sorriso teu, encontro-me e encontro-te distante, longe de tudo e por tudo, virando as páginas da vida, encontro folhas de tinta, folhas de cinzas,folhas de pó...folhas de pó que me guiam no seguir da razão, que se transformam a cada gesto meu e do mundo...mundo que me lê, que me sente, que bebe de mim o que quero...e tudo o que quero é tão só uma folha de pó, trabalhada a carvão, escrita na sombra da vida e da morte...manchada pelo açucar das almas livres...almas livres minhas, tuas, tuas e de ninguém, de ninguém e de toda a gente...assim sou eu, hoje mais do que nunca...resto de folha de pó, alma livre...menina, mulher...menina mulher,mãe, rasgada, ontem pelo vento, abençoada hoje pelo brilho do teu sorriso...amo-te filha!

9 comentários:

JC disse...

Linda a imagem com que ilustras o teu texto.Por vezes uma folha de papel que nos chega às mãos, com duas ou três palavras escritas, folha ou palavras que esperamos há tanto tempo são como o pão que nos alimenta, como àgua que nos mata a cede. Palavras. Palavras de amor e carinho. Palavras de alento e incentivo. Palavras que nos chegam no momento certo da nossa vida.
Filhos. Como são importantes para nós para a nossa vida. Por eles viemos. Por eles nos damos. Por eles fazemos tudo. São os seres mais preciosos do mundo.
Beijinhos

Palma da Mão disse...

É, são o nosso sonho tornado realidade, são a nossa vida, o nosso verdadeiro alento, são o nosso alimento...a minha filha é a minha vida!
beijinhos, obrigada JC

Aqui - Ali - Acolá disse...

Lindo este teu post, e este final:

almas livres minhas, tuas, tuas e de ninguém, de ninguém e de toda a gente...assim sou eu, hoje mais do que nunca...resto de folha de pó, alma livre...menina, mulher...menina mulher,mãe, rasgada, ontem pelo vento, abençoada hoje pelo brilho do teu sorriso...amo-te filha!

Está muito bem conseguido.

Não há dúvida que tanta coisa linda se pode encontrar pelos caminhos da net, e nos blogs então vejo coisas maravilhosas como esta.

Parabéns amiga e obrigado pela tua visita a meu blog, volta sempre que serás sempre bem recebida.

Bjos e fim de semana feliz..

DESIRE disse...

Lindo post, magistralmente ilustrado!
Bom fim-de-semana!
Beijos prometidos

C. disse...

Belo texto em homenagem ao/a seu filho (a).

Romeu disse...

Lindo minha amiga porquê de tanta confusão vejo que tens uma filhinha que é a luz dos teus olhos parabéns
bom fim de semana
Beijos de ternura

Blue disse...

Encontro com a filha! Lindo texto, demonstrando carinho, amor, afeto. Bjs

ลndreia disse...

Amor incondicional não é verdade?

Paulo Tamburro disse...

Sem dúvida que as sementes das árvores, são. mais importante do que elas, pois vão perpetua-la.