30 maio 2009

Inteligência Emocional


Assunto sério, será que ela também fala de assuntos sérios,rs, perguntarás tu que me lês e me segues com carinho ou não...pois é, talvez não sei...vamos ver...se me apetecer,...se não me apetecer, talvez te confunda só mais um bocadinho...

Já aqui falei de tanta coisa séria, brinquei, corri, baralhei, chorei,confundi-me até a mim prória...

Mas hoje claramente apetece-me despir da sensualidade e falar de Inteligência Emocional...

Ora então começo pela cultura e pela inteligência, coisas distintas, uma pessoa inteligente não tem de ser necessáriamente culta, raramente o são até, porque uma pessoa inteligente normalmente foca a sua sede de aprendizagem em um objectivo.

Uma pessoa culta, mantém uma conversa coesa sobre variadissimos temas, consegue falar e sabe estar em situações realmente adversas.

Então o que é a inteligência emocional, será o coordenar dos sentidos à cultura de que dispõe, utilizando a sua capacidade racional, ou seja a sua inteligência...

Será que sim? Será que não?


Temos duas situações com cenários muito idênticos...


- A mulher que sabe esperar o companheiro...

- A mulher que pensa que sabe segurar o companheiro...


Qual delas será a portadora de maior défice de inteligência emocional?







16 comentários:

Blue disse...

Claro que sei que sabes escrever, e bem sobre outros assuntos.
Pessoa culta e pessoa inteligenta, não estão ligados, mas que bom seria se todos nós fossemos cultos e inteligentes!
A, fico com alguém que sabe esperar...
Talves me indentifico com esta opção!
Beijos

Renan Barreto disse...

Ih! Dificil isso. é que se o próprio termo parece-me um paradoxo. Inteligência emocional Um remete à razão e a outra a emoção. É dificil entender, mas não sei qual das duas tem, mas se fosse chutar diria que a primeira sabe usar a razão em prol da sua emoção.

bjo Liliana!

Erica Maria disse...

Amiga, que dilema esse hein?

Bjos em tei coração!

Nanda disse...

Linda!!

Adorei o tema...
Mas sinceramente? acho que nenhuma das duas...
Em ambos os casos a pessoa está a colocar no outro sua expectativa, quando deveria focar em si....
pode ser que eu esteja errada... mas aquela que espera... apenas mantem-se inerte...
E aquela que pensa que sabe segurar o companheiro... apenas se ilude...
pois somente o que é livre, é livre tb para voltar e estar...

beijos no coraçao e bom final de semana

TigresA disse...

Vou ter de te tirar ainda melhor as medidas...
A ver se encontro o botao...
Temos msm de desligar esse teu complicometro!!! =p
bjka

Blue disse...

"Mas um dia vou sentir-te sorrir,
e eles erguerão-se saltando da água,
para te ver passar"

Lindo, lindo.
Obrigado.

Beijos

Luna disse...

Deixo uns conceitos retirados de :
http://pt.wikipedia.org/wiki/Intelig%C3%AAncia_emocional

Os cientistas Peter Salovey e John D. Mayer dividiram a inteligência emocional em quatro domínios:

1-percepção das emoções - inclui habilidades envolvidas na identificação de sentimentos por estímulos: através da voz ou expressão facial, por exemplo, a pessoa que sobressai nessa habilidade percebe a variação e mudança no estado emocional de outra; a segunda ramificação da inteligência emocional;

2-uso das emoções – implica a capacidade de empregar as informações emocionais para facilitar o pensamento e o raciocínio;

3-entender emoções, é a habilidade de captar variações emocionais nem sempre evidentes;

4-controle (e transformação) da emoção, o aspecto mais habitualmente identificado da inteligência emocional – aptidão para lidar com esse sentimento.

Respondendo sem pretensionismos de intlectualidade á tua inteligente pergunta, nos 2 casos que apresentas, acho que a mulher que pensa saber segurar o companheiro, parece apresentar maior déficit em inteligência emocional.
Já agora eu também tenho pouca, porque não sei esperar :-D

Bjs

Nanda Assis disse...

acho que estas coisas n existem, cada um pensa de um jeito, vive de um jeito e é feliz a seu jeito.
estes assuntos me "emputecem" muito rsrs.
tenha um feliz domingo.

bjossss...

meus instantes e momentos disse...

saudades daqui.
Maurizio

Leandro Fonseca disse...

tu és inteligente e culta, e escreve muitíssimo bem!

hasta!

Me permita disse...

Oi, minha querida! Ter inteligência emocional é não deixar-se dominar pelas coisas ou pessoas, mas procurar ser vc mesma! Adoro está aqui, pois este espaço é inteligente eonsegue mexer com todos os nossos sentidos!!! Bjs!!!

Bernardo Lupi disse...

Bem inteligente a forma como você coloca esta problemática. Acima de tudo há que evitar sentimentos de arrogância e presunção...

Uma boa semana para você!

Palma da Mão disse...

Obrigada lindos/as, como sempre é bom poder contar convosco, nos bons momentos, nos maus momentos, nos mais ou menos, e nestes momentos em que se fala de assuntos, digamos, mais sérios:)
Ora a minha opinião, é a de que como foi dito, devemos dar valor a nós próprios, respeitarmo-nos, e entregar o deveido valor ao próximo, não vale a pena segurar, nem esperar em desespero por ninguém, venha a nós, quem perto de nós gosta de estar:)
Beijinhos
Liliana

Mr Nelson disse...

Depois de lêr isto tudo...

De ficar cientificamente ciente do dilema com o maravilhoso comentário da Luna...

E de fazer uma breve introspeção. :)

Na realidade...
O comentário com que mais me identifico e mais gostei foi o teu...

Portanto faço minhas as tuas palavras!

Beijos

Palma da Mão disse...

Obrigada pelas tuas palavras migo.
Beijinhos

i ILÓGICO disse...

http://iilogicowall.blogspot.com/search/label/sexo


oi, me visite.

bju-te