21 fevereiro 2010

Cheira-me...


...e perde-te dentro de mim...
deixa-me embriagada pelo doce do teu beijo...molha-me...desnuda-me...faz-me vida...perfuma-me e entrega-me às sete chamas...mistura-me com um pouco de ti...serei mais do que frasco...serei fragãncia...linha ténue entre o aproximar e a distância...cheira-me... 

6 comentários:

Braulio Pereira disse...

deixo aqui um pouco
da minha essencia
ando louco
vou entrar!! com licença


beijos!!

Palma da Mão disse...

Rsrs, entre sim meu amigo, poder partilhar os meus pensamentos é mais do que um prazer é ser um pouco mais feliz:)
Obrigada pelo, sempre, carinho e respeito:)
beijinhos

Aqui - Ali - Acolá disse...

Nunca esquecendo este belo cantinho, a embriaguez dos pots aqui escritos da-me vida, perfuma-me e entrega-me ás sete chamas.

A distância não tem limites, o aproximar faz do longe bem perto.

Belo post amiga que tem a marca de quem exala perfume no ar do tempo infinito.

Bjos, felicidades e óptima semana

EU SOU NEGUINHA disse...

menina...
Comoé bom aqui......
hum.....
beijos da Nega

Sonhos e Devaneios disse...

olha que sinto seu perfume...seu doce perfume....saudades...
beijos joao

Palma da Mão disse...

Obrigada meus amigos, é sempre tão bom encontrar-vos aqui:)

João...eu sei que ando em falta para contigo meu amigo, mas prometo que vou resolver isso depressinha:)

beijinhos mil